O Futuro do Presente: um artigo da Todo an InComm Payments Company

O impacto de presentear e do cartão presente para o varejo

Recentemente, a Todo an InComm Payments Company lançou um material guia sobre o impacto do cartão presente no varejo. É um e-book completo, com informações históricas e também projeções que miram o futuro do mercado.

No Brasil, esse mercado ainda está em ascensão e sendo cada dia mais compreendido pelas empresas e pelos usuários. Já nos Estados Unidos, a cultura do consumo de cartões presente é muito forte e a maioria do povo de lá já tem como hábito presentear amigos e familiares com essa ferramenta. 

Aqui, foi a partir de 2015 que o varejo brasileiro passou a adotar a tecnologia que prioriza a experiência do usuário, com foco no mobile, que tem como premissa, a omnicanalidade.

É aí que grandes lojas como  Riachuelo, Centauro, Havaianas, Outback e muitos outros começam a explorar de fato o cartão presente digital.

O ato de presentear é instintivo e histórico. A ciência explica que presentear libera hormônios que combatem a tristeza, proporcionando prazer e bem-estar.

São muitas as datas comemorativas que temos ao longo de um ano e, claro, o varejo está sempre de olho nessas datas para potencializar suas vendas. Contudo, em 2020, os lojistas precisaram se adaptar as mudanças que o mercado brasileiro sofreu. 

As lições de 2020 e o que esperar de 2021

O digital esteve em alta no ano de 2020, no cenário da pandemia. O Dia das Mães, por exemplo, aumentou o faturamento do e-commerce em 117%.

Segundo uma pesquisa da Social Miner, o isolamento social levou a uma mudança de comportamento do consumidor, que ao invés de comprar em lojas físicas, optou pelas compras online.

O faturamento alcançado pelo e-commerce nesse período mais que dobrou em relação a 2019, passando de 2,78 bilhões de reais para 6,02 bilhões de reais, de acordo com dados da Compre & Confie. 

Algumas datas comemorativas como Dia dos Pais e o Natal tiveram alta geral em relação a 2019, o que é uma surpresa positiva. De acordo com os especialistas, é necessário foco nessas datas de mais impacto e planejamento com pelo menos três meses de antecedência

Segundo João Espíndola, General Manager da Todo an InComm Payments Company:

“Acredito que a maior lição que o ano de 2020 ensinou para o varejo é que o cliente é muito maior do que a loja física e do que a relação presencial.”

O lojista precisa ter em mente, para esse ano e os conseguintes “o que fazer se ninguém passar em frente a minha loja?”.

Porque o e-commerce brasileiro cresceu, no primeiro semestre de 2020, de uma maneira avassaladora.

Segundo pesquisa da Ebit/Nielsen, feita em parceria com a Elo, o faturamento com as vendas online subiu 47% nos primeiros seis meses do ano, totalizando 38,8 bilhões de reais.

O momento é de testar alternativas, errar e consertar, para que a experiência omnicanal seja entregue da melhor maneira ao cliente. 

A venda de cartões presente: onde e como ele se apresenta?

O cartão presente é um produto que tem grande potencial de entregar uma experiência única aos clientes. Quando uma pessoa compra um cartão presente, ela parte da própria decisão. 

O cartão presente pode atrair:

1 empresas que querem presentear seus colaboradores

2 pessoas que querem presentear alguém com uma experiência em restaurantes e outros lugares

3 pessoas indecisas, ou que simplesmente não querem escolher algo específico para dar a alguém

E o melhor é que não existe um nicho específico. Basicamente todo tipo de produto e serviço pode ser adquirido via cartão presente. 

Falta, tão somente, enraizar no país a cultura do cartão presente.

Pois, quando um cliente adquire um cartão presente, a empresa tem antecipação da receita. Quando a empresa escolhe adotar a venda de cartão presente, ela também escolhe aumentar o faturamento, fidelizar os clientes e atrair novos públicos.

Futuro do mercado? Um panorama econômico

O mercado de cartões presente no país começou a ser mais explorado em 2015, como anteposto. Os resultados, segundo o CEO da Todo Cartões, crescem de maneira exponencial.

A Todo Cartões comercializou mais de 540 mil cartões presente em 2020, um aumento de 50% em relação a 2019.

Uma empresa que aposta no cartão presente tem resultados de 1 a 5% de receita incremental sem precisar fazer grandes investimentos. 

Para o futuro, é importante ressaltar que o omnichannel veio para ficar. Essa estratégia continuará sendo importante para as marcas ganharem destaque, com um relacionamento muito mais próximo dos clientes delas. 

Se o tema é presente, resgate o seu

E se nós estamos falando de presente e do ato de presentear, nós queremos dar a você, que chegou até aqui, um presente que pode ser do seu interesse.

Porque se você gostou do que leu aqui, você pode receber agora mesmo o e-book O Futuro do Presente: um guia sobre o impacto do ato de presentear e dos gift cards para o varejo com muito mais informações e ensinamentos sobre o varejo e o mercado de cartões presente.

Clique aqui para ganhar o seu exemplar

Esse é o nosso presente para você.

Gostou? E para qualquer tipo de dúvidas ou interesse na implementação de cartões presente, não deixe de nos acionar. Nossa equipe está a sua disposição, basta clicar aqui.

MAURENS ROSA

MAURENS ROSA

Head de Marketing - Além de responsável por todo o marketing da Todo. Nas horas vagas é bem polivalente: tenista, pintora, escritora, fotógrafa, mochileira & criativa. Não à toa que o nome é no plural. #SEGURAAMOÇA

Veja também

Se inscreva em nossa newsletter:

Se inscreva em nossa newsletter: